Parlamento Juvenil do Mercosul

Publicado em | Última atualização:

É interessado em contribuir com a educação nos países do Mercosul e promover o engajamento do jovem na política? Então seja parte do Parlamento Juvenil do Mercosul.

Descrição

O Parlamento Juvenil do Mercosul (PJM) tem como missão transformar estudantes da rede pública do país em protagonistas no engajamento político de suas sociedades. Os jovens do PJM concentram as reflexões que fazem sobre cinco eixos temáticos: inclusão educativa, gênero, jovens e trabalho, participação cidadã dos jovens e direitos humanos. Esses temas foram selecionados tendo em vista que se trata de direitos que são reconhecidos nos países, tanto em normativas nacionais específicas como em legislações internacionais as quais se sujeitam os Estados que integram o projeto.


Quem pode participar

Para concorrer, é preciso:

Estar matriculado (a) e frequentando regularmente o 1º ou 2º ano do ensino médio regular ou ensino técnico integrado ao ensino médio em escolas públicas da rede estadual ou federal;  

Ter boa atuação escolar (frequência, conduta e rendimento);  

Adaptar-se facilmente à convivência com jovens de diferentes culturas e crenças religiosas;  

Ter disponibilidade e autorização dos pais para realizar viagens nacionais e internacionais, todas acompanhadas pelo MEC.

Como participar

Para participar, o aluno deve apresentar um projeto autoral de protagonismo juvenil, juntamente com a ficha de insrição e documentos necessários,  bem como uma carta de recomendação de um professor. Para informações detalhadas acessar o edital através do link.

Prêmio

Mandato de 2 anos como parlamentar Juvenil do Mercosul, realizando viagens internacionais e nacionais por conta do MEC e promovendo o engajamento político da juventude.


Categoria: Programas Internacionais

Abrangência: Nacional

Nível de Escolaridade: Ensino Médio